Receba nossa newsletter

 Instagram feed

Altre entra na competição pelo mercado imobiliário

Valor Econômico



O mais novo negócio do grupo Votorantim também tem planos de ser grande, assim como os de cimento, mineração de zinco e de alumínio e geração de energia. A Altre, uma plataforma de desenvolvimento imobiliário, que terá atuação no Brasil e exterior, marcou sua estreia com a primeira aquisição de peso - quase R$ 1 bilhão - no segmento de properties (propriedade de imóveis para o mercado de aluguel). A operação foi fechada no mês passado.


Outra aquisição já está encaminhada, disse ao Valor o presidente da nova empresa, Sérgio Malacrida, que ainda vai acumular, por algum tempo, o cargo de diretor financeiro da holding do grupo, a Votorantim S.A. (VSA). A Altre terá como foco “pré-desenvolver espaços e equipamentos urbanos, loteamentos, incorporação e construção (via parcerias com empresas do setor), a gestão de ativos imobiliários e investimentos em ativos e fundos imobiliários”.


A incorporadora surgiu dentro da estratégia do grupo de diversificação para negócios menos expostos às oscilações de mercado (commodities - por exemplo, celulose e aço) e geradores de uma espécie de renda para os acionistas - a família Ermírio de Moraes. Nessa trilha, avançou na geração de energia e novas frentes virão, caso de infraestrutura (concessões de rodovias e saneamento).


A empresa herdou da VSA um banco relevante de terrenos em Votorantim (ao lado de Sorocaba), em São Paulo e em Paulista (região metropolitana de Recife). São terrenos que abrigaram fábricas do grupo décadas atrás e que estavam dispersos entre aptos e fazendas. Após seleção iniciada em 2014, foram transferidos para a holding e separados os com potencial imobiliário para o novo negócio, diz Malacrida.

  • LinkedIn
  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
INSCRIÇÕES ABERTAS.gif