Receba nossa newsletter

 Instagram feed

Com receita recorde, Mercado Livre reverte prejuízo e tem lucro de US$ 65 milhões



Valor Econômico


O Mercado Livre registrou lucro líquido de US$ 65 milhões no primeiro trimestre, revertendo o prejuízo de US$ 34 milhões um ano antes. As receitas da companhia de comércio eletrônico somaram US$ 2,24 bilhões entre janeiro e março, crescimento de 63,1% sobre o mesmo período de 2021.


A empresa destaca que as receitas são recorde para um único período, sustentadas pela alta de 26,5% no volume bruto de mercadorias (GMV), a US$ 7,66 bilhões e a expansão de 72% no volume total de pagamentos (TPV), a US$ 25,3 bilhões. Outros negócios do Mercado Livre, como anúncios e logística, também ajudaram as receitas no trimestre.


No Brasil, as receitas do Mercado Livre alcançaram US$ 1,25 bilhão, crescimento de 62,8% na comparação anual, se consolidando como o principal mercado da companhia, que também tem números de destaque na Argentina, com receitas de US$ 518 milhões, onde foi fundada, e no México, com receitas de US$ 364 milhões.


Os custos do Mercado Livre cresceram 49,3% em um ano, a US$ 1,17 bilhão. A companhia diz que o crescimento foi impulsionado pelo crescimento nas provisões para cobrir inadimplência no seu segmento financeiro, em meio a expansão nos níveis de originação de crédito e nos cartões de crédito da empresa.

  • LinkedIn
  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube