Receba nossa newsletter

 Instagram feed

Cooperativas de crédito reconhecem ESG, mas menos da metade têm metas

Pesquisa da consultoria PwC indica quais práticas ambientais e sociais o setor adota e onde pode avançar na governança


Estadão



Uma pesquisa realizada pela consultoria e auditoria PwC junto a cooperativas de crédito brasileiras apontou que as organizações do setor reconhecem a importância das questões ambientais, sociais e de governança, mas a maior parte delas ainda não tem metas específicas relacionadas à sigla ESG, que abrange as três questões.

De acordo com o levantamento, ainda há caminhos para melhora nos três aspectos, principalmente na governança. Entre as 165 cooperativas ouvidas, 70% classificaram as questões ESG como muito importantes para o desenvolvimento dos negócios, e os 30% restantes como importantes. Quase a totalidade (98%) avalia riscos socioambientais.


Mais da metade das entidades entrevistadas (51%) considera que a incorporação de ESG na estratégia da cooperativa é muito relevante para atrair e reter cooperados, e a mesma quantidade diz que os cooperados têm uma percepção positiva do valor que a integração desses temas gera.


Ainda assim, 52% das cooperativas admitiram não ter metas específicas para o ESG.

  • LinkedIn
  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
INSCRIÇÕES ABERTAS.gif