DADOS E ANÁLISES DO MERCADO IMOBILIÁRIO COMERCIAL

As últimas notícias de escritórios, imóveis industriais e shopping centers

Receba nossa newsletter

 Instagram feed

Copom eleva Selic em 0,75 ponto, para 4,25% ao ano, e juro volta a patamar pré-pandemia

Folha de S.Paulo



Para tentar conter a crescente escalada dos preços, o Copom (Comitê de Política Monetária) do Banco Central elevou novamente a taxa básica de juros (Selic) em 0,75 ponto percentual, a 4,25% ao ano, nesta quarta-feira (16). A alta havia sido sinalizada pela autoridade monetária na reunião anterior, em maio.


A Selic voltou ao patamar em que estava até 18 de março de 2020, quando o Copom começou a cortá-la em reação aos efeitos da pandemia sobre a economia.


No comunicado, o BC sinalizou nova alta na mesma magnitude para a próxima reunião, em agosto, para 5,00%. O Comitê, contudo, não descartou uma elevação ainda maior caso as expectativas do mercado para a inflação —especialmente de 2022— continuem subindo.


"Uma deterioração das expectativas de inflação para o horizonte relevante pode exigir uma redução mais tempestiva dos estímulos monetários. O Comitê ressalta que essa avaliação também dependerá da evolução da atividade econômica, do balanço de riscos e de como esses fatores afetam as projeções de inflação", disse o texto.

  • LinkedIn
  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube