Receba nossa newsletter

 Instagram feed

Direcional e XP veem potencial de crescimento do crédito imobiliário, apesar da alta de juros

Valor Econômico


A Direcional Engenharia e a XP Inc veem grande potencial de crescimento para a startup de crédito imobiliário Direto, embora não divulguem metas do volume de recursos a ser movimentado nos próximos anos. Mais cedo, as empresas divulgaram que a XP adquiriu 49,9% da Direto, nascida na Direcional. O valor da operação não foi informado.


A atuação da startup vai abranger imóveis de todas as faixas de renda, em todo o país. A intenção é que a Direto amplie a oferta de crédito aos clientes, interligando as partes envolvidas na compra do imóvel, venda e no financiamento.


“Na Direcional, temos conhecimento muito grande do setor imobiliário, no qual atuamos há mais de 40 anos. Trata-se de mercado muito difícil de escalar, e existem desafios para crescer de forma exponencial. Por outro lado, a XP é super reconhecida e tem originação de funding com valores muito competitivos”, diz o presidente da incorporadora, Ricardo Ribeiro.


Segundo José Berenguer, CEO do Banco XP, a instituição tem 3,5 milhões clientes pessoa física de alta renda, poupadores e com capacidade de compra da casa própria. Berenguer cita que a relação entre crédito imobiliário e Produto Interno Bruto (PIB) é de 9,7%, no Brasil, enquanto nos Estados Unidos chega a 52% e a 58%, no Reino Unido. “O potencial de crescimento do negócio é imenso”, diz o presidente do Banco XP.

  • LinkedIn
  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube