Receba nossa newsletter

 Instagram feed

Dos profissionais, 81% querem trabalho híbrido, diz estudo da WeWork



Exame


Os profissionais latino-americanos querem trabalho híbrido, de preferência com presença no escritório duas vezes por semana. Essa é uma das conclusões de um estudo realizado pela empresa de escritórios compartilhados WeWork em parceria com a HSM.


O levantamento ouviu mais de 10 mil lideranças e executivos na Argentina, no Brasil, no Chile, na Colômbia, no México e no Peru. Os dados levantados mostram que 75% dos profissionais latino-americanos sentem-se seguros em retomar aos escritórios, mas 81% consideram o modelo híbrido o mais indicado para o mercado de trabalho pós-pandemia.


Segundo o levantamento, a distribuição ideal é de dois dias de trabalho presencial e três dias de trabalho remoto para 42% dos entrevistados. Outros 28% preferem três dias presencial e dois dias remoto, 26% preferem apenas um dia presencial e 4% preferem apenas um dia remoto.


A pesquisa também indicou que o nível de produtividade dos profissionais é maior no trabalho híbrido: 4,5, ante 4,0 no trabalho presencial e 4,3 no trabalho remoto, em uma escala de 0 a 5. Não à toa, 57% dos entrevistados consideram que a concentração aumenta no trabalho remoto, enquanto 49% consideram um benefício não ter código de vestuário.

  • LinkedIn
  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube