Receba nossa newsletter

 Instagram feed

Faria Lima está lotada e ocupação de escritórios bate recorde



Veja

A taxa de ocupação de 94,33% dos escritórios localizados na Faria Lima é a maior desde 2015, quando a multinacional SiiLA passou a compilar os números do mercado imobiliário na América Latina. Depois da taxa de vacância ter saído dos 8% no primeiro trimestre de 2020 para a casa dos 12% na região em função da pandemia, o número desabou para 5,67% no quarto trimestre de 2021 com o avanço da vacinação no país. “Ou as empresas planejavam com antecedência o retorno aos escritórios naquela que é a região de maior desejo do mercado ou ficavam de fora. Os poucos espaços disponíveis estão espalhados, ou seja, uma grande empresa não consegue mais se posicionar por ali”, diz Giancarlo Nicastro, CEO da SiiLA.


Nas outras regiões de São Paulo, o cenário é bem diferente. Em toda a capital, a taxa de vacância no quarto trimestre de 2021 foi de 25,15%, bem distante da casa dos 16% obtida antes da pandemia e número este que não deve cair tão cedo. “Não acredito que vamos voltar ao pré-pandemia no curto prazo. Os fatores pandemia e eleição são ruins para uma retomada mais robusta, acredito que algumas empresas só vão pensar nesse assunto em 2023”, projeta Nicastro. Mas na Faria Lima, vai ser difícil encontrar espaço.

  • LinkedIn
  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube