DADOS E ANÁLISES DO MERCADO IMOBILIÁRIO COMERCIAL

As últimas notícias de escritórios, imóveis industriais e shopping centers

Receba nossa newsletter

 Instagram feed

GLP, gigante dos galpões, eleva aposta no Brasil

Valor Econômico


A GLP - maior empresa do segmento de galpões com atuação no Brasil - está reforçando suas apostas no segmento. Em resposta à demanda de áreas por parte de empresas de comércio eletrônico, a GLP captou fundo de R$ 2,63 bilhões para investimentos em ativos de alto padrão no raio de 30 quilômetros da cidade de São Paulo. Do total, R$ 1,48 bilhão já foi desembolsado. Os aportes restantes serão feitos nos próximos quatro anos.


Iniciada há dois anos, a captação acaba de ser concluída. Oito terrenos já tinham sido adquiridos e estão em diferentes fases de desenvolvimento de projetos - há previsão de compra de mais uma área com recursos do fundo. Quando os nove empreendimentos estiverem prontos, o portfólio do fundo será de R$ 5,2 bilhões. Por enquanto, um empreendimento foi concluído. Localizado em Cajamar (SP), está totalmente locado para o Mercado Livre.


O Canada Pension Plan Investment (CPPIB) respondeu pela maior parte de alocação de recursos no fundo GLP BDP II, com 39,6% de participação no valor. A Abu Dhabi Investment Authority (Adia) ficou com fatia de 38,4%, e a própria GLP, com 22%.


“Existe demanda por galpões por parte do ‘e-commerce’ e para substituição de produtos antigos ineficientes”, afirma o presidente da GLP, Mauro Dias. O novo estoque da empresa a ser entregue, neste ano, em São Paulo e no Rio de Janeiro, soma 482 mil m2 e faz parte de 580 mil m2 em construção. “Do total de entregas previstas para o quarto trimestre, 70% está pré-locado”, conta Dias. No primeiro semestre, a empresa investiu R$ 554 milhões e, no acumulado de 2020, R$ 713 milhões.

  • LinkedIn
  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube