DADOS E ANÁLISES DO MERCADO IMOBILIÁRIO COMERCIAL

As últimas notícias de escritórios, imóveis industriais e shopping centers

Receba nossa newsletter

 Instagram feed

Home office reduz movimento de principais regiões comerciais do país

Fonte: Pequenas Empresas Grandes Negócios



O trabalho em home office mudou a situação do comércio de rua do país. Em determinadas áreas da cidade, o cliente sumiu. Em outras, como nos bairros, foi possível manter os negócios. Mas, no geral, todos sofreram o impacto da pandemia.


Em São Paulo, regiões comerciais, como a da Avenida Paulista, Faria Lima e Itaim, perderam quase todo o movimento — principalmente no horário do almoço, quando os profissionais saíam do escritório para almoçar e fazer compras.


Antes da pandemia, a demanda dos consumidores era tão grande que prédios residenciais inteiros viraram lojas.


Segundo Fabio Pina, assessor da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), a pandemia está mudando as cidades: comércios em ruas de passagem sentem mais o impacto do isolamento social, enquanto os de bairro são os grandes beneficiados.


  • LinkedIn
  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube