Receba nossa newsletter

 Instagram feed

Iguatemi reverte lucro e tem prejuízo no 1º trimestre



Valor Econômico


A administradora de shopping centers Iguatemi registrou um prejuízo líquido de R$ 17,3 milhões no primeiro trimestre de 2022, revertendo lucro de R$ 19,6 milhões do mesmo período do ano passado. Excluindo o efeito da variação do preço da ação da Infracommerce o resultado do período foi um lucro líquido de R$ 40,9 milhões, acrescenta a companhia.


Entre os destaques do intervalo se observa um salto de 83% no lucro operacional da empresa na comparação entre mesmos trimestres, para R$ 106 milhões.


A receita líquida da Iguatemi cresceu 35,2% no comparativo anual, para R$ 225,7 milhões. O lucro antes de juros, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) consolidado atingiu R$ 147,8 milhões no trimestre, um aumento de 45,9% em um ano, com margem Ebitda de 64,7%. O desempenho é 19,7% superior ao primeiro trimestre de 2019 — período pré-pandemia.


Vendas totais recorde

Em meados de abril, a companhia reportou que suas vendas totais somaram R$ 3,3 bilhões no primeiro trimestre, recorde para o período, com um salto de 77,2% na base anual. O montante ainda ficou acima dos níveis pré-pandemia de covid-19, com alta de 14,8% em relação ao primeiro trimestre de 2019.

  • LinkedIn
  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
INSCRIÇÕES ABERTAS.gif