DADOS E ANÁLISES DO MERCADO IMOBILIÁRIO COMERCIAL

As últimas notícias de escritórios, imóveis industriais e shopping centers

Otimista, Prologis eleva aportes em expansão

Fonte: Valor Econômico





A americana Prologis segue otimista com o mercado de galpões nas proximidades das cidades de São Paulo e do Rio de Janeiro. De olho na demanda por áreas por parte de clientes do comércio eletrônico, de logística e do varejo, a Prologis Brazil Logistics Venture (PBLV) - joint venture formada pela empresa com a gestora canadense Ivanhoe Cambridge - reforçou em R$ 500 milhões o total de investimentos em curso, definido em R$ 1 bilhão no ano passado. Os aportes de R$ 1,5 bilhão se destinam à construção e entrega de 12 galpões nos próximos 16 meses.


“Do total dos empreendimentos, metade está pré-locada para clientes nacionais e internacionais”, conta o principal executivo da Prologis no Brasil, Armando Fregoso. Há 525 mil m² em construção que vão se somar ao 1 milhão de m² em operação. Na semana passada, a joint venture comprou de um investidor privado terreno na Rodovia Raposo Tavares para a construção de dois galpões.


A Prologis encerrou 2020 com 100% de ocupação de seus empreendimentos, ante 93,8% em 2019. No ano passado, foram assinados 15 contratos de locação, dez deles com clientes novos. “Foi o melhor ano da nossa história no Brasil”, diz Fregoso. A Prologis entrou no mercado brasileiro em 2008, por meio de parceria com a Cyrela Commercial Properties (CCP). Em 2017, Prologis e CCP formalizaram a cisão da joint venture. A parceria com a Ivanhoe começou em janeiro de 2019.


A Prologis atua no raio de 60 quilômetros tanto da cidade de São Paulo quanto do Rio de Janeiro. Segundo Fregoso, se houver mais oportunidades de crescimento, nos mercados em que está presente, para além dos investimentos em curso, a Prologis irá buscá-las. Os recursos para a expansão do portfolio têm origem em fundo dedicado ao Brasil.


Receba nossa newsletter

 Instagram feed

  • LinkedIn
  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube

YouTube SiiLA Brasil: