DADOS E ANÁLISES DO MERCADO IMOBILIÁRIO COMERCIAL

As últimas notícias de escritórios, imóveis industriais e shopping centers

Receba nossa newsletter

 Instagram feed

Petrobras vai fechar parte de escritórios no exterior e no Brasil

A Petrobras disse na última semana que vai diminuir sua presença internacional no próximo ano, fechando escritórios e concentrando sua atuação comercial fora do país em três escritórios: Roterdã, na Holanda, Houston, nos Estados Unidos, e em Cingapura.


Com a medida, a estatal espera que a economia com a desativação de escritórios externos, iniciada em 2019, atinja US$ 13,5 milhões por ano em 2021. A empresa não informou qual era a economia anterior.



No Brasil, a Petrobras espera uma redução de custos de até US$ 30 milhões no próximo ano. A companhia também não detalhou o que será fechado, dizendo apenas que, dos 23 edifícios que ocupava no país há dois anos, só oito continuarão a ser usados no primeiro trimestre de 2021.


No exterior, dos 18 escritórios que a Petrobras mantinha no fim de 2018, dez já foram fechados, além de Londres.


Na América do Sul, a Petrobras ainda mantém escritórios na Bolívia, na Argentina, na Colômbia e no Uruguai. Com exceção da Bolívia, os demais devem ser fechados ao fim do processo de desinvestimentos em curso.


Leia esta e outras notícias em siila.com.br




  • LinkedIn
  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube