Receba nossa newsletter

 Instagram feed

Petz mira expansão no Nordeste, Centro-Oeste e Norte com novo centro de distribuição



Em março deste ano, pela primeira vez na história da Petz, varejista líder de mercado de produtos para animais de estimação, as vendas das lojas instaladas nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste responderam por mais da metade do faturamento total da rede. Elas superaram a participação dos pontos de venda no Estado de São Paulo que, até então, era o principal mercado da companhia.


Esse foi o sinal verde para que a varejista investisse no primeiro centro de distribuição (CD) fora do território paulista, a fim de apoiar o plano de expansão para outras regiões do País. Neste ano serão abertas 50 lojas, uma marca recorde. Deste total, dois terços dos pontos de venda serão inaugurados em mercados onde a varejista não está e o restante em praças do Sudeste, nas quais tem forte presença.


“As lojas abertas nos últimos anos fora do Estado de São Paulo ainda vão maturar e se tornar mais representativas na pizza do das vendas totais”, afirma a vice-presidente financeira, Aline Penna. Hoje a varejista tem 185 lojas físicas, das quais 54% no Estado de São Paulo. Dois anos atrás, 65% dos pontos eram paulistas.


O CD, que vai sustentar a etapa de expansão nacional da Petz e tem como alvo cidades com mais de 100 mil habitantes, começa a funcionar na segunda quinzena deste mês, no município de Hidrolândia, na Região Metropolitana de Goiânia (GO). Com de 8,5 mil metros quadrados de área, é bem menor que os outros da companhia: um em Embu (SP), com 35 mil metros quadrados, e outro em Mauá (SP), de 13 mil metros quadrados.


  • LinkedIn
  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube