Receba nossa newsletter

 Instagram feed

Retorno ao escritório ainda enfrenta resistência, diz pesquisa

Folha de S.Paulo



Enquanto o trabalho presencial retorna gradualmente, os escritórios enfrentam resistência de parte dos funcionários no Brasil.


Segundo pesquisa feita pela consultoria Oliver Wyman, mais de 30% dos profissionais não trocam a liberdade de escolher entre o home office e o presencial por nenhum outro benefício oferecido pela empresa. Folga remunerada, cobertura de saúde e alimentação grátis estavam entre as opções.


Para 32,5% deles, o ideal seria comparecer ao escritório três dias na semana, e para 22%, cinco. Quase 15% gostaria de ir apenas um dia.


A pesquisa foi feita com 4.000 profissionais que trabalhavam em escritórios antes da pandemia no Brasil e em outros três países.