Receba nossa newsletter

 Instagram feed

Você sabe o que é um prédio de uso misto?

Os empreendimentos de uso misto têm se tornado cada vez mais comuns dentro das grandes cidades


Da Redação


O principal objetivo destes empreendimentos, como o próprio nome já diz, é ser um local de uso misto, combinando dentro do mesmo complexo uma variedade de usos.

Em sua maioria, os complexos podem ser de uso corporativo e residencial. Porém, muitos empreendimentos possuem dentro da mesma estrutura (além dos segmentos listados acima) espaços culturais, lojas, restaurantes, hospitais e até mesmo hotéis.


Além da diversificação, outra vantagem do uso misto é a facilidade/comodidade que esse perfil de empreendimento pode trazer ao bairro/região. Este tipo de uso faz com que a economia local possa se movimentar de forma mais fluída. Inclusive, é um modelo de empreendimento muito útil até para as pessoas que vivem no entorno dos complexos, pois podem encontrar ali, no mesmo endereço, uma variedade de serviços.


Edifício River One

Um dos exemplos mais novos de prédios de uso misto é o River One, um empreendimento na zona oeste de São Paulo, que possui espaço residencial e corporativo na mesma localização. Além dele, o mais novo prédio a ocupar o título de mais alto da cidade de São Paulo é um empreendimento que faz parte deum complexo de uso misto.






Edifício Platina 220

Batizado de Platina220, o prédio possui 172 metros de altura e contará com 50 pavimentos que serão divididos entre ambientes corporativos, residenciais, comerciais e um hotel. O empreendimento ganhou o título de mais alto após superar, em 200 centímetros, o Mirante do Vale. Com inauguração prevista para este mês, em breve o edifício entrará para o novo estoque da cidade de São Paulo.




Quer saber mais sobre temas como este? Escreva para comunicacao@siila.com.br e envie sua sugestão de pauta!

  • LinkedIn
  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube
INSCRIÇÕES ABERTAS.gif