Receba nossa newsletter

 Instagram feed

Wall Street acelera retorno de funcionários aos escritórios




Yahoo


Os executivos de Wall Street estão tentando mais uma vez trazer funcionários de volta ao escritório. Desta vez, eles esperam que funcione.


À medida que os casos da variante ômicron recuam e amplas faixas da força de trabalho do setor estão vacinadas, inclusive com doses de reforço, gigantes financeiros, incluindo Citigroup e JPMorgan começaram a trazer mais funcionários de volta para os arranha-céus de Nova York. Mesmo depois de fracassadas tentativas nos últimos dois anos, as empresas esperam que tenha havido progresso suficiente para que seja improvável um retorno ao trabalho remoto em grande escala.


“Salvo outra variante ou uma reversão na recuperação da Covid, acho que o final de março será um verdadeiro ponto de virada”, disse Kathryn Wylde, presidente e diretora executiva da Partnership for New York City.


Os funcionários do Citigroup na região da cidade de Nova York foram informados que deveriam se preparar para voltar nesta segunda-feira, enquanto a presença nos escritórios do JPMorgan, Goldman Sachs e Bank of America tem aumentado constantemente nas últimas semanas. A American Express está planejando trazer mais trabalhadores para sua torre em 1º de março, depois de atrasar esse processo várias vezes no outono e no inverno. E o Wells Fargo disse quarta-feira que planeja trazer os funcionários de volta ao escritório em meados de março, depois que os planos de retorno da empresa foram repetidamente alterados no ano passado devido aos surtos de Covid-19.

  • LinkedIn
  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube